21.08.2020

Transição ecológica e políticas ambientais: Contribuições para os municípios brasileiros

De Moisés Savian e Agnes de Oliveira Franco, é um texto elaborado junto da PT SMAD, Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento do Partido dos Trabalhadores para formar e informar sobre a sustentabilidade nas políticas municipais.

Transição ecológica e políticas ambientais : Contribuições para os municípios brasileiros  

De Moisés Savian e Agnes de Oliveira Franco, é um texto elaborado junto da PT SMAD, Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento do Partido dos Trabalhadores para formar e informar sobre a sustentabilidade nas políticas municipais. 

Os efeitos da mudança climática e dos impactos do avanço da atividade humana na natureza são tão visíveis, que é difícil justificar a imobilidade e o não engajamento em políticas públicas sérias, tendo em vista uma transição a um paradigma ambientalmente sustentável e socialmente justo.  

No Brasil, 2019 foi um ano de recorde de desmatamento na Amazônia, de ataques às minorias e a própria democracia se encontra em situação preocupante. Ao mesmo tempo, estamos passando por uma pandemia histórica que revela estruturas desiguais em todo o mundo. Está bem claro que o sistema econômico que nas últimas décadas agravou a desigualdade, também agravou as consequências do Novo Coronavírus de forma desigual nas sociedades. 

A Fundação Friedrich Ebert considera que ações, que perseguem o sentido das mudanças, fazem parte da essência do que almejamos para um mundo menos desigual. A mudança climática, em particular, é um desafio geracional que precisa ser enfrentado mundialmente e em conjunto.  

Em 2015, começamos uma iniciativa regional para impulsionar debates sobre o que chamamos de Transição Social e Ecológica, entendendo com isso que só é possível e desejável sair do paradigma predatório atual se a dimensão social for incluída em seu centro e se essa transição for feita em diálogo com as condições e tradições culturais e sociais de cada região. No nosso caso, a América Latina e, em particular, o Brasil.  

Ao longo desses 5 anos de trabalho de diálogo regional, foram produzidas muitas análises e propostas de ações e iniciativas, todas elas reunidas em várias publicações disponíveis no site www.fes-transformacion.org. Uma das grandes lições desse rico processo é a certeza de que uma parte importante do caminho para a transição justa é feita a partir das ações locais concretas, inspiradas nelas e em harmonia com orientações e políticas nacionais e internacionais. 

A nossa Fundação e o Setorial de Meio Ambiente do Partido dos Trabalhadores (SMAD) têm desenvolvido uma parceria certamente longa e produtiva, que procurou fortalecer o debate sobre a sustentabilidade na militância e nas lideranças partidárias, no planejamento de suas políticas e abriu o debate com a sociedade sobre este tema-chave do desenvolvimento que o Brasil tanto precisa.

Christoph Heuser, Representante FES – Brasil 

 

Lançamentos 

Lançamentos pelo Brasil afora acontecem a partir de 18 de agosto em ação conjunta entre várias Secretarias do Partido dos Trabalhadores, a Setorial do Meio Ambiente (SMAD) e as secretarias de Formação e Mobilização Popular levou a uma ação conjunta.

Informação atualizada dos lançamentos disponível em https://pt.org.br/transicao-ecologica-meio-ambiente-e-casa-13-sao-temas-de-formacao-no-pais/ 

 

 

Friedrich-Ebert-Stiftung Brasil

FES Brasil

Avenida Paulista,
São Paulo/SP
– CEP : 01311-931

+55 (11) 3253-9090
+55 (11) 3253-3131

fesbrasil(at)fes.org.br


para cima